Seguidores

09/09/2017

Regresso às aulas - Universidade #1

Olá meninas e meninos!!


A pedido de um/a leitor/a no post de hoje irei falar sobre as principais questões que os caloiros se debatem nesta altura. Foi-me pedido para falar de como arranjar casa, colegas de casa e preços. 

Irei apenas falar da realidade que conheço. Eu estudo em Coimbra portanto será a minha referência.





No meu ano de caloira, ainda antes de terem saído os resultados da candidatura, eu já andava na net a pesquisar casa para os três locais a que me candidatei. Guardava os links nos favoritos, apontava informações num bloco como a morada, número de telefone e valor. Assim que saiu o resultado, comecei a pesquisar apenas para Coimbra, a minha matrícula era na sexta-feira, portanto ainda tinha algum tempo para pesquisar.



Vocês podem pesquisar casas/quartos em sites como o OLX, BQuarto, Custo Justo, Uniplaces e Easy Quarto. O Facebook nesta altura também é um excelente amigo, para o caso específico de Coimbra existem vários grupos para aluguer de casas/quartos para estudantes, com certeza existe para outros locais basta pesquisarem. Em Coimbra, principalmente nesta altura, os postes nas ruas têm sempre vários anúncios e podem também procurar nos placards de anúncios dos supermercados. Quando vão a passar na rua olhem para as portas e janelas dos prédios e casas, também costumam ter. É também frequente os estudantes serem abordados na rua por pessoas que têm quartos ou casas para lugar. 
No dia em que forem fazer a matrícula falem com os outros estudantes, foi assim que consegui arranjar o quarto onde estou.

Dica 1: sai mais barato alugarem uma casa inteira do que um quarto, portanto se têm amigos ou conhecidos que vão para o mesmo local que vocês vejam essa possibilidade e, caso vos faltem pessoas para dividir casa podem pesquisar ou até perguntar nos grupos do Facebook que referi acima se há alguém que procure casa, ou irem ao grupo de caloiros do Facebook que é criado todos os anos.

Dica 2: no dia da matrícula se forem acompanhados dos vossos pais, enquanto vocês estão à espera digam-lhes para irem visitando casas. Foi isso que eu fiz porque estive desde as 10h da manhã até às 19h da tarde para fazer a matrícula (sem comer desde o pequeno-almoço, já agora levem comida na mala porque a espera pode ser longa), portanto foi impossível eu ir ver seja o que for. Assim os vossos pais também não estão à seca. 

Não se esqueçam que por norma quanto mais perto da Universidade mais caro é, portanto, não sejam preguiçosos! Levantam-se um pouquinho mais cedo, andam uns metros a mais, ou seja, exercitam o vosso corpo e é uma boa forma de acordarem. 
Preços em concreto isso irá depender para onde vocês forem, por exemplo, sei que Lisboa os quartos são carotes (>200€), já em Coimbra arranjam-se quartos jeitosos em casas com boas condições até 200€, mas é preciso sorte e assim que virem um bom negócio ligar logo porque facilmente desaparecem. Se tiverem mesmo muita sorte, ainda encontram uma casa onde está incluído na renda a ida de uma empregada limpar as áreas comuns (aiii quem me dera). No entanto, também encontram quartos a 200€ que não valem o preço porque as condições não são as melhores. Às vezes ainda me pergunto como é que há pessoas que conseguem pôr determinados quartos e casas a arrendar, já vi cada coisa.
Sou-vos sincera eu não daria mais que 200€ por um quarto já com todas as despesas incluídas, eu sei que por vezes temos que nos sujeitar àquilo que há, principalmente quem entra na 2ª e 3ª fase, mas tentem não se deixar enganar porque o arrendamento de quartos para estudantes é um mundo, e há muita gente a tentar aproveitar-se. 
Tenham em atenção o tamanho do quarto e analisem se é justo o preço que estão a pedir. Há senhorios que atribuem diferentes preços consoante o tamanho do quarto, que a meu ver é o mais correto, mas também há quem não o faça. Pagarem 200€ por um quarto pequeno enquanto que na casa há outra pessoa a pagar o mesmo por um quarto com o dobro do tamanho, não é de todo justo. Tentem regatear o valor.
Caso pretendam morar sozinhos, há estúdios muito jeitosos mas preparem-se para pagar mais de 220€ sem despesas.

Dica 3: optem por casas/quartos com todas as despesas já incluídas no valor mensal da renda, assim não correm o risco de haver surpresas com as contas, mas também não abusem nos banhos nem deixem as luzes acesas sem necessidade, porque se o valor for superior àquilo que pagam o senhorio vai pedir-vos o restante.

Dica 4: seguindo o que referi acima, sejam poupados principalmente com a luz e a água e falem com os vossos colegas de casa sobre isso, principalmente se as despesas não estão incluídas na mensalidade. Viverem 4 estudantes numa casa não é o mesmo que viver uma família, a conta da luz dispara principalmente nos meses de inverno.

Têm sempre outras opções mais em conta como as residências ou as repúblicas, mas já sabem que as condições vão ser completamente diferentes. 

Se pretendem ir morar com amigos ou conhecidos tenham a certeza que eles têm a mesma vibe que vocês, ou as coisas não vão correr como imaginaram. Com isto quero dizer que, se vocês estão numa de ir para a faculdade para realmente se dedicarem aos estudos e em terem boas notas, mas os vossos amigos estão numa de curtir o primeiro ano de faculdade ao máximo ou vice versa, isso pode vir a tornar-se um problema. Sei do que falo porque em minha casa somos 5 raparigas, ninguém se conhecia mas a vibe não era igual entre todas e isso deu alguns problemas. 
Lembrem-se que não é por estarem fora da casa dos pais que podem fazer o que vos apetece sem terem de respeitar os outros, vocês não moram sozinhos e para haver um bom ambiente é necessário respeito mútuo. 

Espero ter conseguido abordar corretamente o pedido que me foi feito. Alguma dúvida ou sugestões para futuros post's digam-me nos comentários.
Beijinhos

Segue-me/Follow me

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Adorei as dicas! Eu já fiquei na residência de estudantes e numa casa, são ambientes totalmente diferentes mas sempre tive sorte com as minhas colegas :3

    http://purflefox.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem Filipa! É mesmo uma questão de sorte.
      Bejinho

      Eliminar